conduta no rio congo

conduzir gás à GNL

Em 2015 a Chevron conseguiu um grande feito de engenharia submarina ao concluir a perfuração de uma conduta de intersecção de um poço na parte inferior do desfiladeiro submarino do rio Congo – um dos maiores no mundo – como parte do Projecto da Conduta da Travessia do Desfiladeiro do Rio Congo.

A cerca de 2 000 pés (610 m) abaixo do leito do mar, a Travessia do rio Congo é a maior de quaisquer intersecções de poços da Chevron e representou o aspecto tecnologicamente mais difícil do projecto.

A Chevron detém uma participação de 38,1% na conduta com 87 milhas (140 km), a qual se destina a transportar diariamente até 250 milhões de pés cúbicos de gás natural liquefeito dos Blocos 0 e 14 até à central Angola LNG.

O fluxo de gás da central iniciou-se em setembro de 2016.

bem intersecção no projeto do encanamento do cano do rio Congo

bem intersecção no projeto do encanamento do cano do rio Congo

Equipamento de elevação em ambas as margens do desfiladeiro submarino do rio Congo com poços simultaneamente perfurados que intersectaram precisamente a meio na parte inferior do desfiladeiro.